Percalços de uma pessoa com empatia

Ontem, na praia. Areal curto, toalha quase a tocar na água. Um belo dia, provavelmente o último dia do meu verão. Entretanto, um homem com uma cana de pesca - daquelas automáticas de espetar na areia - planta-se a um metro da minha toalha. Primeira reação: Oi?! Que espécie de pesca é esta? Pesca em poças de água? Segunda e definitiva reação: Ora venho eu para a praia aproveitar os últimos raios de verão e tenho que assistir, em primeira fila, à agonia de seres vivos, mesmo que sejam mini-peixes-tamanho-aquário (que era o que lhe seria possível pescar ali à borda de água)?


Assim, ao ver o senhor montar o aparato e perceber que estava ali para ficar, peguei nas minhas coisas e andei uns trezentos metros pela praia, mesmo de guarda-sol aberto, até excluir o triste cenário do meu campo de visão. Mas não sem antes lhe lançar um esgar de reprovação.


Nota: Eu tenho medo de peixes. É verdade que tenho medo de muita coisa (o escuro, qualquer meio de transporte que não as minhas pernas, répteis, ratazanas, homens), mas este é um medo particularmente idiota. Juro que se conseguir vislumbrar peixes no mar eu não entro, são eles ou eu. Mas depois do incidente consegui, para minha surpresa, ver um peixinho a passar sem fugir da água.



19 comentários

  1. No mínimo uma situação inesperada... acho que não é costume haver companhias dessas na praia =)
    Quanto aos medos.. eu sou tão mariquinhas com insectos e répteis que não posso julgar ninguém!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ah ah! Insectos acho só incómodos, e até acho a aranha um animal fofinho :p

      Eliminar
  2. Boa tarde
    Parabéns, belo texto!
    Muito obrigada pela sua visita ao meu cantinho. Pode ir sempre que queira, ficarei feliz.

    Beijo e uma tarde feliz
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigada eu pela retribuição da visita ;)

      Eliminar
  3. Esgar de reprovação que, de certeza, ele ignorou. Estas pessoas são tão boas a ignorar sinais. Estas e as que se colam a nós (tocam-nos!) na fila de supermercado como se a fila fosse andar mais rápido por esse motivo. Ódio de estimação, grrr.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A mim chateou-me mais o que ele estava ali a fazer do que estar colado a mim... Mas pronto, não temos todos as mesmas sensibilidades e ele certamente nunca pensou que aquilo não era espetáculo ao qual toda a gente gostasse de assistir.

      Eliminar
  4. Há pessoas assim, que não têm noção de que estão a estragar os momentos dos outros...

    ResponderEliminar
  5. Há pessoas que não têm mesmo noção. Bastava um pingo de inteligência para saber que ali não era o lugar apropriado para ele estar.

    ResponderEliminar
  6. Ahahah, medo de homens é demais. Se bem que há homens bem piores do que ratazanas. xD
    Bom, mas independentemente de não gostares de ver peixes a morrer, com um mar tão grande só um idiota se vai meter, feito espantalho, a pescar em cima duma pessoa. Até porque a época balnear ainda não acabou e neste período é proibido pescar na praia.

    P.S. tenho um post "alinhavado" destinado às bloggers cujo link nos comentários vai dar a um perfil Google. É que não há pachorra. ahahahah

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A ideia foi mesmo incluir os homens na categoria dos répteis e ratazanas, ah ah

      Em relação ao perfil no google - a sério? Eu acho mais agradável que o do blogger, é mais apelativo esteticamente e apresenta logo os posts...

      Eliminar
    2. Vou ter mais atenção... quem sabe se não fico fã do perfil google... xD

      Eliminar
  7. r: Muito obrigada. Então sê bem vinda :)

    ResponderEliminar
  8. Algumas situações inesperadas por vezes ajudam-nos a vencer os nossos medos e isso é fantástico.
    Beijinhos
    http://virginiaferreira91.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  9. Gente sem noção :)
    Queria companhia, devia de ter medo de estar sozinho na praia :)

    ResponderEliminar
  10. nunca conheci ninguém que tivesse medo de peixes, pelo menos que eu soubesse. realmente o ser humano tem com cada fobia... :) eu odeio, ODEIO formigas por exemplo.

    ResponderEliminar
  11. fizeste bem , grande lata!!
    medo mesmo é de gente dessa!

    ResponderEliminar

© Kill Your Barbies. Design by Fearne.