Das grandes latas

Há semanas fui contactada por uma loja a respeito de uma "parceria". Não sou, de todo, daquelas pessoas que se opõem a trocas comerciais nos blogs. Acho que os blogs surgiram como uma espécie de diário virtual, mas a rápida aceitação social dos meios digitais de comunicação permitiu que alguns se assemelhem, hoje, a revistas. E acho isso ótimo. Uma olhada rápida a este blog mostra que prezo a estética e não consigo decidir se gosto mais de escrever ou de, numa fotografia, mostrar as coisas da maneira como as vejo. 


Por isso fiquei satisfeita - e surpreendida, porque este blog tinha na altura três semanas - quando uma loja que até tinha coisas giras me escreveu. Consultei a página de Facebook da loja e, como me conseguia imaginar a usar algumas das peças que por lá vi, perguntei pelas condições. Quando recebi a resposta, ri muito: propunham "ceder" algumas peças, "por um período de tempo". Seria suposto eu fotografar, divulgar e enviar de volta. Em troca seria criado um vale de desconto e quando alguém comprasse na loja através desse vale eu receberia a tentadora comissão de... 2%!! Sendo este, na altura, um blog com menos de um mês, e tendo portanto o número de leitores expectável para um blog tão recente, basta fazerem umas contas de cabeça para perceberem o tipo de "parceria" que me estava a ser proposta. 


É evidente que colaborar com um blog recente não gera às marcas/lojas os mesmos resultados que publicitar num blog reconhecido e com números elevados de leitores. Mas o trabalho, para as bloggers, é o mesmo - pensar no conceito do post, fotografar, editar fotografias e escrever. A diferenciação entre bloggers estabelecidas e iniciantes deve ser feita pelo tipo de compensação, não pela ausência de compensação no caso das segundas. Houve, no entanto, uma coisa que me deixou satisfeita: perceber que, até chegar a um blog com três semanas, esta loja deve ter enviado a sua proposta, e ter visto a mesma proposta rejeitada, por dezenas de outros blogs... O que acaba por contrariar a ideia de que a blogosfera está cheia de gente a querer promover-se a qualquer custo.





27 comentários

  1. ahahahahah Também já me fizeram algumas propostas do género :)

    ResponderEliminar
  2. Fui também convidada para ajudar a gerir outros, mas eu não. Gosto muito do meu cantinho e estimo todos que por lá passam... Adorei o teu texto,. looool
    Espero-te

    Beijo e um dia feliz
    http://coisasdeumavida172.blogspot.pt/


    ResponderEliminar
  3. Eu teria aceite, 2% é uma pechincha hahaha ironias à parte, há mesmo pessoas sem noção neste mundo...

    ResponderEliminar
  4. Isto realmente... só parar rir!
    beijinhos
    http://direitoporlinhastortas-id.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  5. Nossa que absurdo! Eles devem pensar que por ser o inicio do blog estams em desespero por parcerias, e como você disse o trabalho é o mesmo a diferença é o alcance inicial que naturalmente é menor. Estou chocada! rs

    Um beijo linda!
    http://www.casarsemdesleixar.com.br/

    ResponderEliminar
  6. Há propostas que uma pessoa até rebola a rir de tão ridículas que são. Parece que acham que as pessoas são estúpidas e não vão perceber que a proposta que fazem em nada é proveitosa!! Chega até a ser insultuoso xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Será que pensam que não sabemos fazer contas?

      Eliminar
    2. É capaz, passam-nos um atestado de estupidez xD ou tentam, vá :p

      r: pois, é bem verdade, não é só no que diz respeito a sexo que o «não» das mulheres é desvalorizado. Por exemplo, estou agora a lembrar-me numa situação de trabalho, em que uma colega minha disse que não podia fazer X horário por causa das aulas e em que a entidade superior se virou para ela e disse «então estás lixada» do estilo «ou aceitas ou vais para o olho da rua» enquanto que um colega meu, rapaz, disse exactamente o mesmo e já não houve problema, mudaram-lhe logo o horário para um compatível com as aulas. Vergonhoso

      Eliminar
  7. Que comissão tentadora.
    Eles nem têm noção do trabalho que tinhas.

    Beijinhos,
    http://princesasemtiara.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ou talvez tivessem, o que é ainda pior :/

      Eliminar
  8. Mas que grande lata, mesmo!! A sério, há gente que não lembra nem ao diabo...

    ResponderEliminar
  9. De onde venho isso chama-se "LOL tentaste :)"
    Mas melhores parcerias virão vais ver !

    ResponderEliminar
  10. Enfim as pessoas parece que não têm noção nenhuma!

    Beijinho
    simplypinkblog.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. As ideias negativas são mais conhecidas, porque parece que vivemos numa sociedade negativista.
    O que é notícia, é a desgraça. Podes ir de Lisboa ao Porto inaugurar uma instituição de defesa dos direitos de qualquer coisa, sem ninguém dar por ti, mas se chegares a Sacavém e tiveres um acidente, és logo primeira página de jornais. E se fizeres uma carícia mais acentuada a uma criança, cuidado porque podes ser catalogada como pedófila e então aí, atinges o auge da fama. :/

    ResponderEliminar
  12. Fizeste muito bem! Gostava tambem de poder colaborar com algumas marcas mas, claro, do meu tempo não ser usado e abusado :p

    3200 degrees photography blog ♥

    ResponderEliminar
  13. realmente é mesmo uma grande lata...

    bj doce

    ResponderEliminar
  14. Olá Nádia espero que passes mais vezes..
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  15. Gostei da parte de teres de devolver as peças. Enfim...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. E provavelmente ainda teria que pagar o envio!

      Eliminar
  16. realmente os 2% são ali a cereja no topo do bolo para tornar a proposta irrecusável xD

    ResponderEliminar

© Kill Your Barbies. Design by Fearne.