Blogging Christmas #2 // Pavlova



Os meus preparativos para o jantar de Natal começaram pelos doces. Como não como carne nem peixe além do ocasional Filet-o-Fish (Mcdonald's I love u!) tenho todos os anos a tarefa de pensar e preparar o meu próprio prato principal, e confesso que acho aborrecido perder tempo a cozinhar nesse dia. Mas os bolos faço pela diversão, e estou a começar por testar diferentes receitas e selecionar as melhores. 


A Pavlova pode ser um doce australiano pouco difundido por cá, mas para mim é o mais evocativo do Natal. A base de merengue combina na perfeição com o tempo mais frio e os frutos silvestres podem ser substituídos por outros, como grãos de romã. É uma receita simples que pede apenas um pouco de esforço para ficar muito agradável aos olhos. 


INGREDIENTES

Para o merengue:

- 6 claras de ovo 

- 300g de açúcar refinado

- 1 colher de café de flor de sal 

- 1 colher de chá de extrato de baunilha

- 1 colher de chá de amido de milho (Maizena) 

- 1 colher de chá de vinagre de vinho branco ou de maçã 


Para a Pavlova:

- 400ml de natas para bater 

- 2 colheres de sopa de açúcar refinado 

- 400g de frutos silvestres 


PREPARAÇÃO 

- Com a batedeira, bater as claras. Quando estas começarem a ganhar consistência, juntar aos poucos o açúcar, batendo sempre. Adicionar o sal, o extrato de baunilha, o vinagre e o amido de milho. Parar de bater apenas quando o merengue estiver branco e brilhante. Dispor, em forma circular, sobre papel vegetal e levar ao forno pré-aquecido a 150º durante 1h30, ou até adquirir uma tonalidade dourada.  


- Bater as natas com o açúcar (se alguém tiver um truque para espessar as natas, deixe aqui a dica nos comentários, porque para mim é uma espécie de missão impossível), espalhar sobre o merengue e decorar com os frutos silvestres. Voilà, fica assim:










(Depois lembrei-me que tudo o que é bom é ainda melhor com chocolate e fui a correr derreter 100g em banho-maria. No jantar de Natal, talvez seja boa ideia ter o chocolate derretido numa taça para cada pessoa verter sobre a sua fatia de Pavlova.)



24 comentários

  1. Oh meu deus! Que óptimo aspecto!
    Logo eu, que adoro fazer doces e sobremesas, ver uma coisa destas!
    Continua com estas coisinhas :)

    um beijinho*
    Dreams and Lemonade

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Siiim, vai haver mais receitas de Natal =)

      Eliminar
  2. Nunca na vida comi uma Pavlova! É um daqueles doces que vejo e imagino que dê imenso trabalho. Mas vendo a receita parece mais fácil de fazer do que pensava...

    http://apelequehabitoblog.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade, parece difícil! Mas não é mesmo, até vou arriscar fazer uma com duas camadas =P

      Eliminar
  3. Ui Nádia... O aspeto é brutal!! Não devias mostrar estas maravilhas! Só nos devias convidar para provar!
    Beijoca***

    Visita: momentomaravilha.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. Hmmm, o visual está sensacional!
    Acho que nunca comi isso na vida e fiquei aqui desejando
    Bisous,
    Julie | http://www.juliechagas.com/

    ResponderEliminar
  5. O que eu costumo fazer pelas natas: antes de bater certifico-me que elas estão super frias (nos dias mais quentes até costumo pôr a embalagem durante um bom bocado no congelador). Também começo por bater só as natas e só quando elas estão firmes é que junto o açúcar (batendo depois até voltarem a ficar firmes). Costuma resultar :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ahh, eu juntei o açúcar antes de bater, talvez tenha sido esse o problema. Obrigada!

      Eliminar
  6. Adoro mas nunca fiz, acho que vou experimentar.
    Tem um aspecto delicioso!

    ResponderEliminar
  7. Que aspecto divinal! Eu já comi pavlova e gostei bastante :)

    Beijinho
    Daniela
    Blog Cidade do Pecado | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  8. Que aspeto maravilhoso! Vou já roubar a receita para fazer no dia de natal!
    Messy Hair, Don’t Care | Blog

    ResponderEliminar
  9. Uau, fantástico!! Tem um aspecto maravilhoso!!

    ResponderEliminar
  10. Vou ter de experimentar, e vai ser mesmo no Natal! Ficou com excelente aspeto :p

    ResponderEliminar
  11. Yummmmm:) Adoro:)
    Sooo Gorgeous Darling:)
    Have a Gorgeous Day
    Love Open Kloset
    Tue Beauty Comes From Within
    ps: I have a new Christmas post, I hope you Like:)
    www.openklosetfashion.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  12. Aqui perto de minha casa, há uma senhora que as faz, de frutos vermelhos, deliciosas. Quando fiz 40 anos tive um bolo de aniversárrio que era uma pavlova em forma de 40. Agora já não como há muito tempo porque comi tantas que fiquei um bocadinho cansada.

    ResponderEliminar
  13. Nunca experimentei fazer Pavlova, talvez me aventure com esta tua receita!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aventura-te e depois vem cá dizer como correu!

      Eliminar
  14. Com base no aspecto diria que o bolo foi feito por uma profissional! Além do óptimo aspecto, dá mesmo água na boca. Até pode ser uma receita fácil, mas não sei se seria capaz de o confeccionar haha.

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Aquelas natas com consistência de leite são muito pouco profissionais :P

      Eliminar
  15. Adoro Pavlova mas nunca fiz. Essa está com tão bom aspecto (o chocolate só melhora a coisa!).
    Já vi a dica as sílvia para as natas espessarem... tenho o mesmo problema! Só consigo natas batidas fofinhas quando uso natas frescas (que são bem mais caras!).

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Se a dica da Sílvia não resultar começo a usar chantilly. Não é exatamente a mesma coisa, mas é melhor que natas tipo leite...

      Eliminar
  16. ADORO pavlova :D e a tua ficou linda, linda"

    ResponderEliminar
  17. Ai que bom aspecto! :p

    Another Lovely Blog!, http://letrad.blogspot.pt/

    ResponderEliminar

© Kill Your Barbies. Design by Fearne.