Não me matem a Cersei [só para quem vê GoT]



O último episódio da sexta temporada de Game of Thrones está aí e eu já providenciei uma forma de sobreviver ao ano de privação que nos espera. Não sou uma grande leitora  - tenho até que me forçar a ler os primeiros capítulos de um livro e raramente acontece imergir na história a ponto de lhe dedicar horas corridas, por isso prevejo que metade de A Song of Ice and Fire (a saga na qual a série televisiva é baseada, e que estou a ler na versão original) seja o bastante para me ocupar durante esse período de tempo. Mas, até lá, ainda nos falta o último episódio, que será palco do julgamento da Cersei. E, meus amigos, estou preocupada. 


Quando comecei a assistir à série de forma regular, depois de ver alguns episódios soltos da quinta temporada, tinha alguma curiosidade em saber se iria ver o Joffrey da maneira que, aparentemente, o mundo inteiro o via. É que todas as almas pareciam sentir uma raiva visceral pelo pequeno sádico, mas eu estava consciente de uma certa inclinação que tenho para gostar de alguns maus. Pior que isso, tenho tendência para não os considerar, de todo, maus. Por isso, não foi sem alívio que constatei que a minha reação espelhava a geral - basicamente, sempre que o pirralho aparecia em cena, eu perguntava-me se não haveria ninguém disposto a encher-lhe a cara de estalos. E, como todos, rejubilava de alegria sempre que a mãe ou o tio (neste caso, o tio-tio, não o tio-pai) se chegavam à frente para, efetivamente, o encherem de estalos. Momentos de uma beleza singular, esses. Saudades.


Estava, então, descansadinha da vida a julgar que encaixava numa qualquer noção de normalidade, quando descubro que a minha personagem favorita é, à semelhança do Joffrey, uma das que mais consome os nervos aos fãs de Game of Thrones - a Cersei. Pois que, para mim, a Cersei não só é a verdadeira heroína da história, como não tem defeitos e nada faz que seja injustificável. Traiu o Jaime (perdoem-me, almas mais sensíveis, mas já ultrapassei o pormenor do grau de parentesco há séculos) múltiplas vezes? Percebo, é uma mulher ambiciosa em Westeros, tentar controlar os homens é a sua única arma para avançar no jogo. Tratou mal a Sansa? Sim, mostrou-lhe que a vida não é justa, azarito. Desejou a morte do Tyrion a vida toda? Claro, se cresceu a pensar que ele um dia a mataria, por causa do raio de uma profecia. Esteve grávida do rei e abortou, tendo escolhido só ter os filhos do próprio irmão? Toda a minha simpatia, afinal o Robert era um bêbedo, promíscuo e abusivo e o Jaime é, só, o homem perfeito. Aliás, acho que o único grande erro da Cersei foi não ter percebido que lhe saiu a sorte grande com o Jaime, porque não há nos Sete Reinos (nem em lado nenhum, digo-vos) um homem mais dedicado e leal. "The things I do for love?", right?


E é aqui que reside toda a minha inquietação. Na série, o Jaime parece estar, mais que nunca, apaixonado pela Cersei. Mas nos livros a situação está tremida, na sequência da revelação das coisas feias que ela andou a fazer no período de ausência involuntária durante o qual o Jaime foi tomado refém e do qual regressou com uma mão a menos (nada de grave em Westeros, portanto). Um detalhe absolutamente central à história da Cersei é a profecia segundo a qual irá morrer às mãos do valonqar. Valonqar é alto valiriano para "irmão mais novo" e, embora ela tenha assumido que se trata do Tyrion, o Jaime também encaixaria no perfil, tendo nascido momentos depois da irmã. A teoria mais popular reza que, caso o julgamento não lhe seja favorável (que não será), ela poderá tentar destruir King's Landing e provocar a morte acidental do Tommen e aí... bom, estão a ver. Não sei como poderiam justificar isto na série, uma vez que o Jaime lhe continua tão devoto quanto sempre -se não acham amoroso ouvi-los dizer que são as únicas pessoas no mundo, então são desprovidos de emoções-, e acho também improvável que queiram dispensar uma personagem como a Cersei tão longe da resolução final da história... mas nunca se sabe o que estes malucos poderão fazer. De qualquer forma, se ao longo da próxima semana não tiverem notícias minhas, saibam que me encontro, provavelmente, assim:




Porque é isto que GoT nos faz.

42 comentários

  1. Oh. Nah. Sem a Cersei a coisa perde a piada. Já a odiei profundamente, mas agora estou mais virada para o "tu és má pessoa, mas és fixe!". E o amor dela e do Jaime é uma coisa de outro mundo (embora eu o ache doentio - sorry, not sorry, pode ser por eu também ter um irmão). But still, não a vejo a matar o Tommen. Só se ele morrer às mãos do padre maluquinho ou coisa do género. Mas lá que ela pode destruir King's Landing...isso já não sei. Esperemos por Domingo. Cheira-me que nos espera um novo episódio do cara**o!

    Jiji

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu ao início ainda fingia ficar levemente enojada pela relação deles, mas na verdade nunca me fez confusão. Moralmente não tenho nada contra uma relação entre dois adultos que consentem, que são da mesma idade, não havendo exercício de poder de um sobre o outro e que não estão a fazer mal a ninguém. Fora o problema de terem tido filhos que, claro, comporta um risco genético grande.

      Além disso é evidente a forma como eles sentiam que o que estavam a fazer era mais ou menos normal, devido aos exemplos que tinham. Os pais deles eram primos em primeiro grau e a própria Daenerys diz no início do primeiro livro que sempre pensou que iria casar com o Viserys, porque essa era a prática dos Targaryen. É uma coisa bastante comum naquele universo.

      P.S.: Quando disse que a Cersei poderá causar a morte do Tommen, refiro-me a uma coisa acidental - tentar destruir uma parte de King's Landing com wildfire (a série tem deixado muitas pistas nesse sentido) e ele acabar por ser apanhado como dano colateral.

      Eliminar
  2. E por GoT nos fazer isto é que nós adoramos! Para ser sincera, também já gostei menos da Cersei, mas ela continua longe de ser a minha personagem favorita! - apesar de agora compreender bem melhor algumas das suas ações.
    Beijinho*
    P.S.: Não sei se já sabes, mas o ator que interpreta o Ramsay é também cantor e, a meu ver, tem músicas excelentes! :D Acho que poderias gostar de algumas! Tens de ouvir! (:

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. A sério? O rapaz que interpretou o Ramsay é tão excelente ator que não o consigo imaginar como uma pessoa normal, que canta e tudo. Vou já ver!

      Por falar em pessoal de GoT a cantar, já viste isto? https://www.youtube.com/watch?v=JVqFkJ3suxQ

      Eliminar
  3. Adoro o GOT e, embora tenha começado pela série, este ano vou começar a ler os livros (tal como tu, preciso de me manter "ligada" àquele universo fantástico, mas eu adoro ler!). A Cersei não é das minhas personagens, mas sem duvida que não gostaria nada que ela morresse. Acho-a fundamental para a história. No início não podia com os dois (Cersei e Jamie) por causa da relação incestuosa, mas desde que o Jaime perdeu a mão, ganhou outra imagem para mim e gosto imenso dele. Nesta série já se sabe que pode acontecer a nossa personagem favorita ir para os Anjinhos, ou aquela de que gostamos muito. A morte que mais me chocou foi uma não-morte, felizmente, mas estou sempre com receio do que vem aí, tal é a forma como nos agarra.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu também acho que a Cersei é fundamental para a história, mas depois lembro-me do Ned Stark.

      Eliminar
  4. Também gosto da Cersie. Acho-a uma personagem muito interessante, chegando a ter pena dela por causa do Joffrey. Eu estou à espera de um episódio em grande visto que ela praticamente declarou guerra contra aqueles maluqinhos extremistas. Contudo, desconfio que o episódios vai acabar em aberto, com a morte do Tommen, para nos dar tempo de sentir pena, ja que vai mostrar que a profecia era verdade e se calhar só vão matar a Cersie quando a Danaerys chegar a Westeros, com o Tyrion
    porondeandaasofia.blogspot.com

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Também me parece que é quase certinho que o Tommen vai morrer no último episódio. O miúdo é adorável, mas não foi feito para aquele mundo. E sim, também acho que a Cersei vai acabar por morrer mas que com um bocadinho de sorte ainda não será esta temporada.

      Eliminar
  5. Eu sempre percebi o lado da Cersei. O que a moveu sempre foi o amor, tanto aos filhos como ao irmão-namorado.
    Porém, há muitas decisões que tomou que condeno, mas lá está, tomou-as mais por ignorância que outra coisa.
    Também sinto muito a diferença do romance do livro para o romance, lá o Jaime está super lixado com ela...
    Mal posso esperar por este episódio!

    ResponderEliminar
  6. Confesso que já odiei mais a Cersei...com o passar das temporadas vai se compreendendo mais as atitudes das personagem...e por agora só queria que os fanáticos e o high sparrow fossem c*C****** (sorry x) de momento estou simpatizante com a Cersei ahah e realmente não faz sentido perder-se uma personagem como ela no entanto é GOT nunca se sabe o que lhes vai passar pela cabeça... mal posso esperar pelo último episódio, porque já com o antepenúltimo foi a euforia total x) imagino o último...

    ResponderEliminar
  7. Tendo em conta que estamos na 6ª e ela já está a negociar a 8ª e última temporada, não me parece que vá morrer, pelo menos até lá. Tem uma relação agridoce com a Cersei. Odeio-a e ao mesmo tempo, tenho pena dela. Por norma também costumo simpatizar com os bad guys, o que me deixa um pouco inquieto, mas enfim. Não é a minha personagem favorita mas sei ver que é uma peça central na trama, com uma presença em cena fantástica. Confesso que a ideia de ser o Jaime a matá-la é twisted e altamente interessante. Agora só nos resta esperar!

    Ricardo, The Ghostly Walker.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu acho que isto dos bons e dos maus, em Game of Thrones, está muito enviesado pela própria forma como a história é contada. Quase toda a gente é assassina, por exemplo, e acho que fora alguns personagens que são completamente sádicos -como o Joffrey e o Ramsay- o resto é bastante relativo. A Daenerys foi cúmplice na morte do irmão, o Viserys, que era completamente louco mas não me parece que fosse um monstro impossível de controlar, o Tyrion matou o pai e a ex-namorada, mas ainda assim estes são dois dos personagens mais queridos dos fãs. A minha questão com a Cersei nem é achá-la má e gostar independentemente disso, é não conseguir mesmo ver porque é que tem sido tão detestada.

      Eliminar
    2. Li qualquer coisa sobre ela ser um dos 5 actores que irá receber um aumento de salário por episódio, o que é um bom indicador de que a teremos por mais algum tempo ;-)

      Eliminar
    3. A sério, Bárbara? Yeyyyyyy!!
      (Leio tanta coisa sobre a série e não me lembrei de pesquisar isso. Duh.)

      Eliminar
  8. não me posso pronunciar porque ainda não tive oportunidade de ver a série desde o começo..
    mas quero imenso..
    beijinho
    Beleza De Mulher e Mãe
    Facebook
    Instagram

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tens que ver. A tua vida nunca mais será a mesma! :P

      Eliminar
  9. Há duas coisas que me fazem amar GoT. A certeza que não há maus e bons, que ao longo da história as pessoas se transformam e aqueles que um dia amamos podem muito bem os que mais odiamos amanhã.
    É a vulnerabilidade das personagens perante o seu autor. Não há personagens vitalícias. Claro que existem personagens que sem as quais a série perdia algum impacto, mas já vimos muitas serem mortas e tudo continuou bem, senão melhor.

    Sobre a Cersei, acho que muitas das atitudes dela podem ser justificadas mas acho-a demasiado cínica é centrada. O Jamie é, substancialmente, uma pessoa melhor.

    Nem quero pensar que depois de segunda-feira mais um longo e duro ano de espera nos aguarda =|

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É verdade! Mas eu tenho tendência para colar numa personagem, além de ter uma tendência idiota para ver sempre uma história de amor em todo o lado... por isso basta que a Cersei morra ou que aconteça entre eles o que está a acontecer nos livros para toda a série perder metade do interesse para mim.

      Eliminar
  10. Sinto-me um "bicho" agora ehehe é que nem sei do que se fala!! Credo tenho de me actualizar urgentemente!!
    Beijinhos
    elisaumarapariganormal.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  11. Sem dúvida que GOT sem a Cersei perdia um bocadinho a sua piada.
    Posso dizer que tenho uma relação "amor-ódio" com ela ahah

    Já agora segui o teu blog!

    Beijinhos,
    Ana Rita Resendes ♥
    http://afancyshelter.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  12. Acho que não precisavas de escrever 'só para quem vê GoT' no título, com o sucesso que a série tem acho que não há muita gente que não veja :P
    Não desgosto da Cersei (também porque só comecei a ver a série recentemente), mas não é a minha personagem preferida. Correndo o risco de cair num lugar-comum, a minha personagem preferida é mesmo o Tyrion :P E também *spoiler* era uma grande fã do pobre Wun Wun. Snif :'( Ajudaste o Bolton a ser espancado e devorado por cães, nunca te esqueceremos!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olha que há muita gente a não ver Game of Thrones!

      Já percebi que o Tyrion é um grande favorito dos espectadores. Eu não tenho simpatia nenhuma pelo personagem (talvez por a Cersei não gostar dele, ahah!).

      Eliminar
  13. Eu comecei a ver GoT há pouco tempo e a relação entre a Cersei e o Jaime faz-me demasiada confusão para a conseguir aceitar. Tenho irmãos e acho que só uma pessoa muito doente da cabeça pode ter aquele tipo de sentimentos por um irmão, por muito bonito ou perfeito que seja, é inconcebível. Os irmãos amam-se, e muito, mas não daquela maneira. Ponto. Quanto à personagem em si, até não desgosto dela e acho que dá alguma piada à série, mas também gosto imenso do Tyrion! Quanto ao Joffrey, não o posso ver nem pintado...

    PS: experimentei a tua receita de granola e estou muito fã!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Pois, talvez seja por aí. Eu não tenho irmãos, nem sequer primos, por isso o incesto entre irmãos é-me mesmo indiferente. Mas mesmo que me enojasse não poderia ter nada contra uma relação consentida entre dois irmãos adultos, porque não há argumentos éticos fortes.

      (E eu experimentei o teu smoothie de piña colada e achei super bom :P)

      Eliminar
  14. Não vejo Game Of Thrones, pelo que só quero mostrar-te isto xD

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Apesar de não veres GoT, penso que sabes o que ela ia dizer: you know nothing, Jon Snow!

      Eliminar
  15. No inicio não ia muito com a cara dela mas agora é das minhas personagens favoritas até! Se lhe acontecer alguma coisa vou ficar como tu :( ahah
    beijinhos, The Fancy Cats

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Então deves ter ficado satisfeita com a season finale. Queen Cersei!

      Eliminar
  16. Game of Thrones é a minha série favorita sem sombra de dúvidas! Adoro tudo nela, desde as personagens, a história, TUDO! Mas confesso que ao início não gostava mesmo nada da Cersei visto que foi por causa dela e do Jaime que o Bran está no estado em que está. Mas agora adoro-a e acho que é uma personagem fundamental na história e se ela morrer a série perde uma grande personagem. É rezar para que tal não aconteça!
    Segui o blog, se quiseres passa pelo meu!
    Beijinhos, Dare to Wear ♥ | Youtube ♥ | Instagram ♥

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ela vai morrer, mas mais para o fim da série. Por enquanto, e depois da season finale, é ela quem manda nisto tudo!

      Eliminar
  17. Eu faço parte daquele grupo de pessoas chatas e estranhas que não gosta e não vê o GoT. Pois. Desconfio que qualquer dia serei assassinada em plena rua só por causa disso pois de cada vez que faço referência à minha não-simpatia para com esta série quase que sou chacinada! eheheh :)

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Eu demorei imenso tempo a ter vontade de ver - o que em mim é estranho porque sou a maior fã de séries épicas. Agora adoro! Mas há muita gente que não vê :)

      Eliminar
  18. Tenho que admitir que não gosto particularmente da Cersei - e nem é tanto pelas coisas que ela faz, é mais porque - citando o Tywin - "I don't distrust you because you're a woman, I distrust you because you're not as smart as you think you are." Aliás, as coisas chegaram a este ponto porque a Cersei, na sua ânsia de se livrar da Margaery, subestimou imenso o high sparrow e a faith militant.

    Mas caramba, que final de temporada absolutamente incrível! :D

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ohhh, depois da season finale acho que ninguém a pode acusar de não ser inteligente.

      Eliminar
    2. Sinceramente, acho que ela perdeu muito mais do que aquilo que ganhou. (Especialmente depois da última cena com ela.)

      Eliminar
    3. Sim, Filipe. Aliás, acho que isso vai ser fundamental na narrativa em torno da Cersei na próxima temporada. Com a morte do Tommen, não tem muito mais a perder. Mas teria perdido o mesmo se não se tivesse declarado rainha - não é isso que vai fazer com que o Jaime perca a devoção lhe tem, é a destruição de parte de King's Landing e a morte do Tommen ... Assim, já que perdeu tudo, pelo menos tomou o poder que sempre quis.

      Eliminar
  19. Também sigo a série GOT mas ainda não vi a última temporada... por isso, tive medo de ler este post ahah :P

    ResponderEliminar
  20. Comecei agora a ver GoT e os momentos em que aquele pirralho louro leva nas ventas são assim qualquer coisa perto da felicidade extrema. Quando à Cersei preciso de ver mais uns episódios.

    ResponderEliminar

© Kill Your Barbies. Design by Fearne.